+55 11 3385-9339 EN PT
Assepsia Das Mãos; Como Fazer Assepsia Das Mãos

COMO FAZER ASSEPSIA DAS MÃOS E SE PREPARAR PARA O CENTRO CIRÚRGICO

Impedir a infecção dentro do centro cirúrgico é o principal objetivo da equipe hospitalar e tudo começa com a assepsia das mãos.

A assepsia das mãos visa a prevenção de infecções no centro cirúrgico, importante causa de morbimortalidade pós-operatória e aumento dos custos hospitalares.

Apesar da causa multifatorial, estudos têm correlacionado as infecções, por meio de biologia molecular, às falhas na assepsia das mãos da equipe cirúrgica,

Leia mais!

assepsia das mãos; como fazer assepsia das mãos

A paramentação cirúrgica, medida bem estabelecida para prevenção das infecções no centro cirúrgico, consiste em saber como fazer assepsia das mãos, utilização de aventais e luvas esterilizadas, além de gorro e máscara.

Apesar do uso de luvas cirúrgicas, a transmissão de micro-organismos das mãos da equipe cirúrgica para o paciente pode ocorrer, considerando que ao final da cirurgia cerca de 18% (5 a 82%) das luvas cirúrgicas apresentam micro perfurações, sendo que em mais de 80% dos casos essas perfurações não são percebidas pelos cirurgiões, e podem dobrar o risco de infecções do centro cirúrgico, tornando esse preparo prévio das mãos essencial.

O antisséptico cirúrgico deve ser capaz de eliminar totalmente a microbiota transitória das mãos e reduzir significativamente a residente no começo do procedimento, e inibir o seu crescimento em mãos enluvadas até o final da cirurgia.

Um dos produtos mais utilizados, é o álcool e o seu diferencial em relação aos outros antissépticos é sua rápida velocidade de ação, além de excelente atividade antimicrobiana contra bactérias Grampositivas, Gramnegativas, fungos, micobactérias e vírus.

As preparações alcoólicas (PA), têm sido recomendadas pela OMS nas concentrações entre 60 e 80%, e pelo Centers for Disease Control and Prevention (CDC) dos Estados Unidos, nas concentrações entre 60 e 95%, como produto de escolha na higienização das mãos e como alternativa aos produtos tradicionais (PT), para assepsia das mãos, justificada pela eficácia antimicrobiana, facilidade de aplicação, menor dano à pele e economia de tempo.

Como fazer assepsia das mãos

Os princípios da assepsia das mãos desempenham um papel vital. É da responsabilidade de cada membro da equipe cirúrgica compreender o significado desses princípios e incorporá-los em sua prática diária.

A Técnica Asséptica incluem os seguintes princípios:

Vestimentas: A equipe cirúrgica é composta porque trabalham diretamente no centro cirúrgico, e outros que trabalham na periferia do centro cirúrgico estéril. Todos os membros da equipe cirúrgica usam trajes específicos.

Além disso, todos devem usar um avental cirúrgico estéril, máscara e luvas. Essas proteções ajudam a evitar a transmissão de microrganismos aos pacientes.

Esterilização:  A esterilização fornece o mais alto nível de garantia de que todos os instrumentos, suturas, fluidos, suprimentos e demais itens do centro cirúrgico não possuem microrganismos.

Para garantir a eficácia, todos os itens estéreis precisam ser inspecionados quanto à integridade da embalagem e indicadores do processo de esterilização. Se por exemplo, um pacote foi comprometido, ele deve ser considerado contaminado e não ser usado.

Procedimentos: Normas e procedimentos para garantir a assepsia e a esterilização devem ser escritos, revisados anualmente e prontamente disponíveis dentro do ambiente de prática.

O treinamento de técnicas e práticas assépticas requer que os membros experientes e qualificados da equipe cirúrgica demonstrem essas habilidades para pessoal novo e inexperiente.

Todos os membros da equipe cirúrgica devem praticar esses princípios.

O saber como se faz a assepsia das mãos ajudar a prevenir a transferência de microrganismos para o centro cirúrgico durante o período pré operatório.

É de responsabilidade dos membros da equipe cirúrgica desenvolver uma forte consciência, aderindo aos princípios da assepsia e retificando qualquer técnica inadequada presenciada no centro cirúrgico.

Além dos princípios da assepsia, o vestuário cirúrgico adequado desempenha um papel importante na redução das infecções.

O objetivo da assepsia e da técnica asséptica é impedir a transferência de microrganismos. Evitar a contaminação do local cirúrgico requer os esforços de todos os membros da equipe cirúrgica treinada para usar seus conhecimentos e experiência em práticas assépticas para fornecer aos seus pacientes um cuidado ideal, resultando em resultados cirúrgicos positivos.

Este artigo sobre como fazer assepsia das mãos ajudou você? Então se inscreva em nosso blog e fique por dentro de muito mais conteúdos relevantes como este!

Mande novas sugestões para a CNPH, pois ficaremos felizes em escrever novos conteúdos relacionados à área da saúde para você.

Siga-nos nas redes sociais.

 

 

Deixe uma resposta

Buscar