+55 11 3385-9339 sac@cnph.com.br [gtranslate]
Envolvimento Do Paciente

OS BENEFÍCIOS NO ENVOLVIMENTO DO PACIENTE

O envolvimento do paciente em sua segurança é uma estratégia que tem sido utilizada para alcançar resultados positivos na prevenção de acidentes e danos ao paciente.

A partir dessa perspectiva, a Organização Mundial da Saúde (OMS) desenvolveu o Programa “Pacientes pela Segurança dos Pacientes”, que visa reunir profissionais de saúde, pacientes, familiares e cidadãos para melhorar a segurança do paciente, incentivando-os para que sejam incluídos nos próprios cuidados, parceiros plenos, estando no centro de toda a ação.

Além do programa da OMS, existe outra ferramenta disponível chamada “Speak Up”, desenvolvida pela Joint Commission, que permite a prevenção de erros na assistência em saúde, oferecendo aconselhamentos e informações ao paciente durante os cuidados.

Neste artigo você vai entender o motivo pelo qual envolver o paciente em sua segurança traz benefícios à saúde.

Envolvimento do Paciente

Porque o envolvimento do paciente é importante

É de extrema importância o envolvimento do paciente nos procedimentos e cuidados que estão sendo realizados, possibilitando a participação ativa do mesmo, através de perguntas, possíveis dúvidas, havendo interação com o profissional, facilitando a compreensão e cooperação do paciente em seus cuidados.

Saiba como envolver o paciente nesses cuidados

  • Incentivar o paciente ou o familiar a participar das decisões dos cuidados prestados;
  • Adequar a comunicação com o perfil do paciente (idosos, pediátricos, entre outros), alcançando uma comunicação eficaz e eficiente;
  • Esteja disponível ao paciente e aos familiares para sanar dúvidas, ouvir as observações, essa ação evitará que eventos adversos ocorram;
  • Analise e respeite as fases do paciente, isso contribuirá para a identificação de desconfortos, medos, ansiedades, entre outras situações que podem estar acontecendo e você poderá intervir, ajudando-o a se sentir melhor.

Estimule o paciente a acompanhar seus direitos

  • O paciente tem direito a consultar seu prontuário, tendo conhecimento dos cuidados prestados até o momento;
  • É interessante ele saber sobre as qualificações do profissional que está cuidando dele;
  • Ter informações sobre os riscos e benefícios de cada ação, procedimento ou tratamento.

O papel das instituições de saúde

Essa estratégia deve ser implementada junto às instituições de saúde, tendo em vista o envolvimento do paciente no cuidado, reduzindo os incidentes através da comunicação eficaz entre os profissionais, contribuindo para a obtenção de melhores resultados.

Para isso, orienta-se ações como:

  • A disponibilização de folhetos informativos sobre as patologias mais complexas, tratamentos  e cuidados;
  • Orientações pré-definidas ao paciente;
  • Investimento na formação dos profissionais, com o intuito de promover mudanças e o alcance de resultados, entre outras ações.

Com uma boa gestão, você poderá aumentar o envolvimento do paciente na sua instituição de saúde em pouco tempo!

Quer continuar por dentro de tudo o que você precisa saber sobre a área da saúde? Cadastre o seu e-mail aqui e receba conteúdos exclusivos do blog em primeira mão!

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos ou mande novas sugestões para a CNPH, pois ficaremos felizes em escrever novos conteúdos relacionados à área da saúde para você.

Siga-nos nas redes sociais. 😉

CNPH

Presente no segmento médico-hospitalar desde 1994, a CNPH oferece a seus clientes produtos e serviços de alta performance, tecnologia, inovação e conceito, tendo como objetivo o auxílio de profissionais de diversas áreas da saúde, na escolha de produtos e equipamentos necessários para o atendimento do paciente com total segurança.

Deixe uma resposta

Buscar